COMO EMAGRECER CORRETAMENTE?

Emagrecer tem se tornado uma prioridade para a maioria dos brasileiros. Afinal, atualmente, mais da metade dos brasileiros estão acima do peso (57,3% dos homens e 59,8% das mulheres), e esta condição traz diversos problemas de saúde, além da redução da expectativa de vida.

Apesar de existir um excesso de informação ao alcance de qualquer pessoa com acesso a internet sobre como manter uma vida saudável (quais os alimentos mais adequados, tabelas nutricionais, dicas e opções de atividades físicas para todos os gostos), emagrecer ainda é um objetivo com baixo índice de sucesso para as pessoas que tentam por conta própria.

Isto acontece, pois apenas 15% das causas da obesidade e do sobrepeso são metabólicas. 85% das origens são emocionais e comportamentais. Sendo assim, o emagrecimento é um processo que deve ser iniciado através de uma reprogramação mental/comportamental e uma reeducação emocional.

Contratar o melhor nutricionista não será suficiente para você emagrecer se continuar a pensar na comida da forma como pensa atualmente, nem se descontar sua ansiedade, medo, raiva ou frustração em suas alimentações diárias. O processo de reeducação alimentar não será eficiente se a causa emocional ou comportamental não for resolvida.

Da mesma forma, ter um personal trainer capacitado e pronto para te oferecer os melhores treinamentos, não trará resultados se você não identificar, dentro de si, e o que vai te motivar e transformar essas atividades físicas em hábitos.

Estes aspectos comportamentais e emocionais precisam ser identificados, analisados e reprogramados com a ajuda de um Coach especialista no tema. Alguém que poderá identificar a forma como você pensa atualmente, mostrar os impactos causados por suas emoções e comportamentos e te auxiliar a iniciar uma mudança positiva em sua mente.

COACHING DE EMAGRECIMENTO

Coaching de emagrecimento é um dos nichos de Coaching mais procurados pelas pessoas que desejam emagrecer de forma saudável e sustentável ou melhorar significativamente sua qualidade de vida.

Como outras especialidades do Coaching, esta busca compreender aspectos mais profundos do comportamento humano que dificultam o alcance do objetivo, para que assim possa gerar melhorias definitivas nas formas de pensar e agir do cliente. Assim, o emagrecimento ocorre de forma prazerosa e sem a necessidade de controlar sintomas ou estímulos através de medicamentos.

Entendemos que o Coaching de emagrecimento deve ser um processo que se inicia dentro do cliente, entendendo seu funcionamento emocional e comportamental e conclui com resultados externos, através da geração de hábitos mais saudáveis que proporcionarão o emagrecimento desejado.

Vale lembrar que o processo de Coaching de emagrecimento não exclui outras práticas, podendo ser potencializado se o cliente também seguir um acompanhamento de um nutricionista, responsável por orientar os alimentos mais adequados para o objetivo, e de um educador físico para cuidar de sua rotina de atividades. Afinal, o Coach é um profissional especialista em comportamento humano.

ASPECTOS TRABALHADOS NO PROCESSO DE COACHING DE EMAGRECIMENTO

Existem comportamentos que as pessoas com sobrepeso ou obesidade aprenderam ou desenvolveram durante sua criação que atrapalham o processo de emagrecimento. Alguns podem não conseguir avançar até resolver essas questões e criar novos hábitos. Abaixo seguem alguns temas trabalhados no processo do Coaching para um melhor alinhamento entre seu objetivo e suas ações diárias:

COMPULSÃO ALIMENTAR

Comer repetidamente, mesmo após sentir-se satisfeito ou para aliviar algum sentimento ou sensação, pode ser sinal de compulsão alimentar. Este é um dos principais fatores que levam as pessoas ao sobrepeso e obesidade e deve ser tratado em sua origem, através do entendimento do que causa a compulsão.

PADRÕES FAMILIARES E CULTURAIS

O sobrepeso ou obesidade pode surgir por um comportamento aprendido e reforçado durante o desenvolvimento pelos familiares. A pessoa pode comer muito e engordar para manter o sentimento de pertencimento em sua família, ou em sua região, encontrando dificuldades para alterar seus padrões alimentares.

PROBLEMA SEXUAL

É comum identificarmos obesos que sofreram algum abuso na infância e, inconscientemente, engordam para não chamar mais atenção das pessoas e evitar futuros assédios. Isto pode acontecer com recém-casados, que engordam para evitar aproximações de outras pessoas mantendo distância das tentações da traição.

DISTORÇÃO SOBRE TAMANHO

Pessoas com sobrepeso podem se manter nesta condição pois entendem que são “fortes” ou “maiores que os outros” e essa distorção lhes dá uma sensação de segurança. Isto pode ocorrer também com pessoas que pensam que estar acima do peso significa ter “muita saúde” ou “riqueza”, como acontece em alguns países.

PRAZER NA COMIDA

Comer tem a função básica de nutrir o corpo. Porém, podemos passar a obter prazer em nossa alimentação. O problema está em quem só encontra prazer na comida. Isto deve ser um sinal vermelho, pois se estiver tendo muito prazer na comida, provavelmente não existe prazer em outros aspectos de vida.

FALTA DE ASSERTIVIDADE

Durante o processo de emagrecimento é natural que algumas pessoas estranhem a mudança e passem a fazer perguntas como: “Você está doente?”, “Você não vai comer conosco?” ou “Comece sua dieta na segunda!”. Quem não sabe lidar com estas situações pode ficar na zona de conforto, mantendo o peso atual.